Fernanda D’avila conta como ser bailarina do Domingão do Faustão mudou sua vida

Nesta semana, o Domingão do Faustão completou 30 anos no ar. A modelo e apresentadora Fernanda D’avila conta como ser bailarina do Domingão do Faustão mudou sua vida:

“A dança entrou na minha vida quando tinha 12 anos para que eu pudesse perder a timidez e para me tornar mais confiante. Amo dançar música baiana e funk pois a batida me envolve e acabo gastando muitas calorias durante as aulas. Sem contar que minha carreira na TV começou por ter conseguido passar no teste do Domingão do Faustão para ser bailarina. Depois de lá tudo mudou! Aprendi demais com os coreógrafos do programa, fiz o quadro Dança do Famosos com o modelo Paulo Zulu e vários eventos relacionados à dança”, lembra a morena de 32 anos.

Fernanda no balé do Faustão – Foto: Reprodução

Fernanda D’avila deixou o balé do Faustão em 2016, após trabalhar 8 anos na atração. “Logo após a saída do Domingão também continuei dançando e aceitei um convite da FitDance para gravar a coreografia da música Bumbum Granada. Foi um sucesso na internet e teve mais de 70 milhões de visualizações”, destaca ela. 

Foto: Reprodução

“Hoje mesmo com outros projetos, apresentando, fotografando para campanhas publicitárias e viajando com meu canal do YouTube “Leve a Vida”, as pessoas me encontram e pedem para dançar (risos). Dançar é vida!”, finaliza a modelo e apresentadora.

31 de março de 2019