Tainá Grando dá dicas para quem quer aprender a dançar e alerta: “Internet não substitui uma escola de dança”

Bailarina e coreógrafa Tainá Grando afirma que é possível sim aprender a dançar pela internet, mas alerta que isto não substitui uma aula presencial

SÃO PAULO, 27 de Fevereiro de 2019 — A bailarina e coreógrafa Tainá Grando é uma figura já conhecida do grande público, e se tornou uma referência na cena da dança no Brasil. Seja como empreendedora, por ser a idealizadora do centro de excelência do ensino de dança Westside, em Pinheiro, zona oeste de São Paulo, como na internet e nas redes sociais, por ser recordista na participação de clipes musicais, e na TV por ter sido bailarina do Faustão, Tainá arrasa.

(Foto: Thata Siqueira Fotografias)

Entusiasta da internet, Tainá afirma que é possível sim aprender a dançar por videoaulas no Youtube, mas que isto não substitui a aula presencial: “o principal é ir em uma escola de dança, entrar em uma sala de aula em uma turma de iniciantes e aprender as bases. Às vezes temos muitas informações na internet, o que é ótimo, mas nada substitui a experiência de ter uma troca com os professores e os alunos dentro da sala de aula. Na internet a pessoa tem a informação e na sala de aula a formação”, afirma.

Tainá Grando na Westside em São Paulo (Foto: Reprodução)

Tainá Grando salienta as vantagens da aula presencial em relação a videoaulas gravadas na internet: “o professor está ali na sala de aula e vai fazer as correções, sem contar o contato com as pessoas, coisa que a internet não dá. Também é importante não desistir porque a pessoa não vai aprender a dançar tudo no primeiro dia, em uma semana ou em um mês. É um processo a longo prazo em que a pessoa vai se aprimorando”, completa Tainá Grando, que participou de mais de 60 videoclipes trabalhando ao lado de Anitta, Nego do Borel, Lucas Lucco, Projota, Mc Livinho, MC Gui, Kevinho, Léo Santana, Valesca Popozuda, MC Sapão, entre outros.

28 de fevereiro de 2019